Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Lição do varejo para o Mercado Imobiliário

Costumo dizer sempre em minhas palestras:
– Se você deseja entender o mercado imobiliário, olhe para o varejo.

E aí você me pergunta:
– Como assim, Cristiano?

Vamos lá, o varejo se preocupa e estuda o COMPORTAMENTO das pessoas, logo, as empresas buscam cada vez mais, utilizar técnicas e ferramentas específicas que têm como objetivo gerar impacto para consequentemente aumentar o consumo das pessoas.

Você já se perguntou alguma vez, o porquê de ao se estruturar um supermercado, a seção da padaria geralmente se localiza no final?

Você acaba percorrendo outras seções, antes de comprar o pãozinho de cada dia, e a cestinha volta, na maioria das vezes, um pouquinho mais cheia.

A estratégia é simples, ao longo do caminho existem várias tentações que acabam aguçando sua mente e estômago (queijos, pizzas, vinhos, bolos, carnes, etc); além disso, geralmente vamos comprar pão, já com fome, ou pela manhã ou à noite, voltando do trabalho. Inevitavelmente outros itens que não estavam programados ou que não era uma real necessidade acabam sendo levados também, pelo simples fato de estarem disponíveis no momento em que passamos para buscar o nosso pão.

Não existe acaso no varejo. Toda organização busca maximizar a essência da centralidade, ativando gatilhos mentais, para que haja fluxo de pessoas e que estas consigam ativar inconscientemente o princípio da escassez que gera a necessidade, levando-as a consumir.

Respot: Cristiano Rabelo

×